Tiroteio entre GCMs e marginais deixa três mortos e um ferido em Itaquaquecetuba

Caso aconteceu por volta das 14h10 no quilômetro 37, sentido capital, em um posto de combustíveis de Itaquaquecetuba.
Enfermeira é baleada e morre durante assalto na rodovia Ayrton Senna, em Itaquaquecetuba
Dois marginais acusados de roubo e uma vítima morreram no começo da tarde deste sábado (12), durante uma troca de tiros, em um posto de combustíveis na altura do km 37 da rodovia Ayrton Senna, em Itaquaquecetuba, sentido capital.
De acordo com as primeiras informações da Polícia Militar Rodoviária, dois casais voltavam de moto do Santuário Nacional de Aparecida, e pararam para abastecer no posto.
Um carro com cinco vagabundos chegou no local e anunciou o roubo a moto de um dos casais. Os dois pilotos, que são Guardas Civis de Itapecerica da Serra, reagiram ao assalto.
Segundo a polícia, houve troca de tiros. Dois vagabundos fugiram levando a moto, e os outros três foram baleados. Um deles morreu dentro do carro, o outro a caminho do Pronto-Socorro de Guarulhos, e um foi socorrido e encaminhado ao hospital com um tiro na mão.
A namorada do GCM que teve a moto roubada foi atingida por um tiro no peito e morreu ainda no local. Ela era enfermeira e tinha 36 anos.
Já a namorada do outro guarda foi atingida por tiros de raspão na nuca e na perna, mas não precisou de atendimento médico.
O caso será registrado no DP Central de Itaquaquecetuba. O local do crime passou por perícia do Instituto de Criminalística.

http://amigosdaguardacivil.blogspot.com/2019/10/tiroteio-entre-gcms-e-marginais-deixa.html

SANTANA

SANTANA - Jornalista e Bacharel em Ciência Política

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *