RECURSO 324/18 DO DEP. CAPITÃO AUGUSTO CONTRA AS GUARDAS MUNICIPAIS

João Alexandre Dos Santos

Estando hoje pela manhã relendo o Recurso 324/2018 do Sr. Capitão Augusto (Dep. Federal) e logo no terceiro parágrafo das justificativas me causa até tontura o argumento simplório e pálido trazido ao texto.
Fica a pergunta:
– Esses deputados não possuem assessoria jurídica ou são tapados mesmo? Como podem de forma tão descarada jogar contra a evolução e melhoria do sistema de segurança pública? Segundo tal autoridade GM não era para estar no SUSP.
Recurso apoiado por 13 deputados de SP.

Relação dos políticos apoiadores desse absurdo

Por Santana

Infelizmente meu amigo, Prof. João Alexandre, esse processo covarde de perseguição e desmantelamento destas instituições policiais municipais se iniciou há mais de duas décadas.. o projeto de poder desta instituição estadual arcaica é antigo e visa o monopólio da Segurança Pública a nível nacional.. seus integrantes do oficialato se fortaleceram politicamente, e fazem de tudo para desestruturar e descaracterizar as atribuições policiais das Guardas Municipais.
Vemos que, nos principais municípios do país, o secretário de Segurança Municipal não é um Juiz, Promotor, Delegado, mas sim, um Cel PM da Reserva..nada mais oblívio..rss
E fazem o mesmo com o serviço SAMU.. ao invés do gestor municipal ser um médico, o que seria o mais coerente.. mas não, é um Cel PM Bombeiro da reserva..
Ou seja, estas duas Instituições importantíssimas ( guardas Municipais / SAMU) são vistas como concorrentes pelo alto comando das Polícias Militares.
Na condição de cidadão, o que me causa mais indignação, não é essa minoria de metástase infiltradas nos municípios mas, a grande maioria dos demais políticos, sociedade e imprensa..que não enxerga esse jogo sujo e não se manifesta.. fica fácil destruir instituições Municipais onde não existe resistência..

Santana Jornalista / Bacharel em Ciência Política
pmbnoticias.com

SANTANA

SANTANA - Jornalista e Bacharel em Ciência Política

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RSS
Follow by Email
YouTube
YouTube
LinkedIn
LinkedIn
Share
Instagram