Bruno Covas revoga gratuidade no transporte para idosos entre 60 e 65 anos

André Jankavski, da CNN, em São Paulo

Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), revogou a Lei nº 15.912, que dava gratuidade no transporte público para os idosos com idade entre 60 e 65 anos. O ato foi publicado no Diário Oficial desta quarta-feira (23) e a mudança já está em vigor.

Porém, por determinação do Estatuto do Idoso, pessoas acima dos 65 anos de idade continuarão a usufruir de passagens gratuitas nos ônibus municipais, intermunicipais, metrô e trens da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM).

Segundo a prefeitura, essa nova medida acompanha a revisão gradual das políticas voltadas para os idosos, como a ampliação da aposentadoria compulsória no serviço público e a Reforma da Previdência na cidade, que ampliou o tempo de contribuição e fixou idade mínima de 65 anos para homens se aposentar e de 62 anos para as mulheres.

A lei nº 15.912 foi promulgada em dezembro de 2013 e dispensava o pagamento de tarifa nos transportes fornecidos pela Prefeitura de São Paulo.

https://www.cnnbrasil.com.br/nacional/2020/12/23/bruno-covas-revoga-gratuidade-no-transporte-para-idosos-entre-60-e-65-anos?fbclid=IwAR1BN_4Hi9OXJJVTpiB0tgmkIf8FWcViIt7ggcRXI7CsxaTQukSMHIa5uwg

SANTANA

SANTANA - Jornalista e Bacharel em Ciência Política

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RSS
Follow by Email
YouTube
YouTube
LinkedIn
LinkedIn
Share
Instagram