Witzel quer o fim das visitas íntimas em presídios

Tem que perder a liberdade sexual’, afirmou o governador do RJ

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, participou nesta quarta-feira (18) do 1º Encontro Nacional de Diretores de Departamentos de Homicídios, onde defendeu o fim das visitas íntimas para detentos.

Witzel também afirmou existir um déficit nacional de 300 mil vagas nos presídios e defendeu um aumento no tempo máximo de prisão, que, segundo seu entendimento, deveria ser de 50 anos.

“A pena para criminosos do crime organizado não pode ser 35 anos, tem que ser 50 anos. O sistema que ele tem que ficar preso não pode ter visita íntima. Perdeu a liberdade? Tem que perder a liberdade sexual. Onde é que nós estamos com a cabeça? Você tira a liberdade do sujeito, mas não tira a liberdade sexual dele. O que que é isso? Perdeu sim”, disse o governador.

E você, compartilha da visão de Witzel?

Informações O Globo.

https://mblnews.org/noticia/witzel-quer-o-fim-das-visitas-intimas-em-presidios/?fbclid=IwAR1GXCvff8ZwrMim1pv2cjySgiKYF5EAkVf7YGv8jxHZa6V0BtQoQ1Pc0O0

SANTANA

SANTANA - Jornalista e Bacharel em Ciência Política

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RSS
Follow by Email
YouTube
YouTube
LinkedIn
LinkedIn
Share
Instagram