Toffoli intima Banco Central e obtém dados sigilosos de 600 mil pessoas

Toffoli intima Banco Central e obtém dados sigilosos de 600 mil pessoas.

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro Dias Toffoli determinou que o Banco Central (BC) lhe enviasse cópias de todos os relatórios de inteligência financeira (RIFs), produzidos pelo antigo Coaf.

Os dados são referentes aos últimos três anos, tendo obtido por meio de acesso aos dados sigilosos de cerca de 600 mil pessoas, sendo 412,5 pessoas físicas e 186, 2 mil jurídicas.

A Folha teve acesso ao pedido do presidente do STF. Pedido feito no dia 25 de outubro e que foi âmbito de um processo, no qual em julho, fez Toffoli suspender as investigações com base em dados do Coaf e Receita Federal.

Em justificativa ao pedido, o ministro afirmou que quer buscar entender o processo de de elaboração e tramitação dos relatórios financeiros. Com isso, Dias Toffoli ou qualquer outro servidor por ele autorizado poderá ter acesso aos dados sigilosos.

Acesse nosso site Jornalista Welesson Oliveira e fique sempre atualizado sobre as notícias mais importantes do Brasil e do mundo.

SANTANA

SANTANA - Jornalista e Bacharel em Ciência Política

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *