Zema exonera todos os comissionados do PT de MG

O governador Romeu Zema (Novo) exonerou hoje (02) todos os ocupantes de cargos comissionados no governo de Minas Gerais, eliminando cerca de 6 mil pessoas indicadas pelo governo de Fernando Pimentel (PT).

“Se o governo tivesse reduzido os cerca de 6 mil funcionários que estão sendo exonerados hoje, teria tido condição de pagar meio 13º. Já seria alguma coisa, mas ele falou que isso é desprezível”, disse Zema, criticando a gestão petista anterior.

Foram excluídos do decreto as polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, Fundação Hospitalar de Minas Gerais (Fhemig) e Ezequiel Dias (Funed) e o Centro de Hematologia e Hemoterapia do Estado de Minas Gerais (Hemominas). O número de comissionados nestas áreas, entretanto, é ínfimo.

O decreto também determina a todos os órgãos da administração direta, autarquias e fundações que encaminhem à Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag) a relação dos servidores em serviço e em férias-prêmio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *